09/09/2012 09:48

Patrícia Pillar é atriz de famosas novelas

Da Redação
OsPaparazzi
Patrícia Pillar é atriz e modelo brasileira. Chegou a cursar o segundo ano de jornalismo, mas desistiu para seguir carreira de atriz. Algumas atuações marcaram a presença da atriz Patrícia Pillar na televisão, principalmente na Rede Globo, como na novela "Rei do Gado", "Roque Santeiro" e no seriado "Mulher" interpretando a médica Cris. Como vilã, Patrícia Pillar brilhou no papel de Flora na novela "A Favorita". No cinema, fez o filme Zuzu Angel. Na vida pessoal, a atriz foi casada durante 10 anos com o músico Zé Renato e depois 12 anos com o ex-deputado federal Ciro Gomes, mas se separou em dezembro de 2011. Patrícia ainda não tem nenhum filho.

Patricia Pillar
Patricia Pillar (Foto:Divulgação)
Quer ser o primeiro a saber? Curta OsPaparazzi no Facebook!

Conheça a biografia da atriz Patrícia Pillar


Patrícia Gadelha Pillar nasceu no dia 11 de janeiro de 1964 em Brasília. Filha do oficial da Marinha, Nuno, precisou morar em várias cidades do Brasil quando criança, até se instalar no Rio de Janeiro, aos 14 anos. O sonho de ser atriz sempre fez parte da infância de Patrícia Pillar, quando fazia o ensino médio ela já trabalhava para pagar o curso de teatro e aos 16 anos, Patrícia Pillar tirou sua primeira foto como modelo.

Patrícia desistiu de ser jornalista no segundo ano de faculdade e investiu na carreira de atriz. Teve início no teatro amador, fez Tablado até que entrou para o grupo de teatro "Asdrúbal Trouxe o Trombone". Em 1983, Patrícia Pillar atuou em seu primeiro filme "Para Viver um Grande Amor", ao lado de Djavan. Foi o sucesso de Patrícia nesse filme que a fez ser escolhida para a novela Roque Santeiro, em 1985.

No mesmo ano da novela Roque Santeiro transmitida pela Rede Globo, a atriz fez o programa de televisão de videoclipes musicais FM TV, na parceria com Tim Rescalla, na antiga Rede Manchete. Também em 1985, Patrícia Pillar firmou casamento ao lado do músico Zé Renato. Mas eles se separam após 10 anos de matrimônio, em 1985.

No cinema, a atriz ganhou destaque nos filmes O Quatrilho e Zuzu Angel. O Quatrilho teve indicação ao Oscar de melhor filme estrangeiro e foi um grande progresso do cinema nacional. No filme Zuzu Angel, Patrícia Pillar afirmou ser o papel mais difícil de sua carreira.

O papel de protagonista do filme Olga quase foi de Patrícia, mas com a saída do diretor Luiz Fernando de Carvalho, a atriz abandonou o projeto e a atriz Camila Morgado ficou com o papel.

Em 1999, Patrícia Pillar se casou com Ciro Gomes, o casamento durou 12 anos e até hoje não se sabe o exato motivo da separação. Boatos de que a atriz Patrícia não aguentava mais a rotina do político foi cogitada e também um possível envolvimento de Ciro com uma mulher mais jovem.

Na televisão, Patrícia Pillar interpretou papéis marcantes, como Luana na novela Rei do Gado, que ganhou o Prêmio Contigo de melhor atriz, uma boia-fria que sai o campo para morar com o patrão Bruno Mezenga, vivido por Antônio Fagundes. Para ser a personagem Luana, Patrícia conviveu vários dias ao lado de cortadores de cana. Na personagem Flora, em A Favorita, Patrícia Pillar passou a conhecer os presídios femininos e o comportamento das detentas.

Patrícia Pillar
Patrícia Pillar ganhou 15 prêmios de melhor vilã e atriz na novela A Favorita (Foto:Divulgação)

Em 2007, Patrícia dirigiu o documentário "Waldick, Sempre no Meu Coração", que fala sobre a vida do cantor e compositor Waldick Soriano, de quem Patrícia Pillar é muito fã. "Waldick" foi indicado como melhor documentário no Festival Paulínia de Cinema em 2008, mas a premiação veio no FestNatal 2008 pelo júri popular na categoria de melhor Filme.

Em 2001, Patrícia Pillar descobriu que estava com câncer na mama, que foi totalmente removido, pois a atriz descobriu ainda no início. Desde então, a atriz trouxe sua história ao público e começou a apoiar campanhas do Instituto Brasileiro de Controle do Câncer, que conta com o apoio de várias celebridades.

As novelas de época marcaram muito a presença de Patrícia Pillar na televisão, a atriz conta que apesar de gostar dos papéis contemporâneos, não dispensa uma boa novela de época, onde tem a oportunidade de estudar sobre história. É o caso da personagem Constância Assunção, que Patrícia Pillar interpreta na novela Lado a Lado, transmitida pela Rede Globo em setembro de 2012.

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.