09/02/2015 11:05

Goya 2015: Veja vencedores do Oscar espanhol

Troféu Goya é considerado o Oscar da Espanha; confira lista de vencedores com La isla mínima

Da Redação
Os Paparazzi
O mundo do cinema conheceu neste fim de semana os vencedores do Goya 2015, considerado o Oscar Espanhol. A 29ª edição do Goya premiou o filme "La Isla Mínima" com dez troféus, entre eles o de Melhor Filme da Espanha. A cerimônia foi realizada em Madri pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas da Espanha, com direito a homenagem especial ao ator Antonio Banderas.

"La isla mínima" tem direção de Alberto Rodríguez (que levou o troféu Goya de melhor diretor). O Goya de Melhor Ator foi para Javier Gutiérrez, com Nerea Barros como atriz revelação. O filme é um suspense, que conta a história de dois policiais que investigam o desaparecimento de dois adolescentes nas margens do rio Guadalquivirm, na Europa. O filme ainda não tem previsão de estreia para os cinemas da Rede Cinemark no Brasil.

Antonio Banderas Goya 2015
Antonio Banderas ganha homenagem no Goya 2015

Também neste fim de semana, tivemos a divulgação dos vencedores do Bafta 2015, considerado o Oscar Britânico. O evento em Londres costuma premiar os mesmos vencedores com o Oscar. E vale lembrar que o Oscar 2015 será realizado no dia 22 de fevereiro, com transmissão ao vivo pelo canal TNT. OsPaparazzi tem cobertura especial para o Oscar.

Os vencedores do Goya 2015

Melhor filme: "La isla mínima"
Melhor diretor: Alberto Rodríguez, "La isla mínima"
Melhor atriz: Bárbara Lennie, "Magical Girl"
Melhor ator: Javier Gutiérrez, "La isla mínima"
Melhor roteiro original: "La isla mínima"
Melhor roteiro adaptado: "Mortadelo y Filemón contra Jimmy el Cachondo"
Melhor ator coadjuvante: Karra Elejalde, "Ocho apellidos vascos"
Melhor atriz coadjuvante: Carmen Machi, "Ocho apellidos vascos"
Melhor atriz revelação: Nerea Barros, "La isla mínima"
Melhor ator revelação: Dani Rovira, "Ocho apellidos vascos"
Melhor trilha original: "La isla mínima", Julio de la Rosa
Melhor canção original: "Niño sin miedo", de "El niño"
Melhor animação: "Mortadelo y Filemón contra Jimmy el Cachondo"
Melhor filme hispano-americano: "Relatos selvagens", Damián Szifrón (Argentina)
Melhor filme europeu: "Ida", Pawel Pawlikowsky
Melhor maquiagem e cabelo: "Musarañas"
Melhores efeitos especiais: "El niño"

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.