13/02/2015 14:59

Tá no Ar Especial: Marcelo Adnet conta tudo

Estreia da segunda temporada de Tá no Ar: TV na TV tem crítica ao Carnaval com música

Da Redação
Os Paparazzi
A segunda temporada de Tá no Ar: TV na TV estreou na noite desta quinta-feira, 12, na Rede Globo. Marcelo Adnet, Marcius Melhem e companhia apresentaram novos quadros, com a manutenção dos mais tradicionais. O Tá no Ar é sucesso de público e crítica. O crítico Celso de Menezes falou sobre a estreia da nova temporada. "A criação de Marcius Melhem, com Marcelo Adnet, continua merecendo aplausos. Tá no Ar eleva o nível do humor da Globo a um patamar excelente. Foi uma das gratas surpresas do ano passado no humor da televisão aberta. E continua sendo nesse ano. A música de encerramento com crítica ao Carnaval foi forte e muito criativa", elogiou.

Em coletiva de imprensa para lançamento do programa, no Rio de Janeiro, o elenco do humorístico falou aos jornalistas e paparazzis de plantão. Marcelo Adnet recebeu uma sugestão da reportagem: por que não colocar o William Bonner imitando o famoso militante do Tá no Ar? Já pensou? "Essa ideia a gente não teve. Mas é uma ótima ideia, hein (risos). O Bonner com a gente, boa", respondeu o comediante. Ainda sobre o famoso militante, Adnet revelou que ele vai ganhar um blog no GShow: "O militante vai criar um blog onde ele vai poder desenvolver melhor as suas teorias conspiratórias sobre a Senhora Rede Globo", acrescentou.

Marcelo Adnet Tá no Ar TV na TV
Marcelo Adnet fala sobre Tá no Ar: TV na TV
Marcius Melhem falou sobre o personagem Tenente Pitombo. E se ele trabalhasse na TV Senado, hein? "Não ia sobrar ninguém lá", respondeu o humorista. Ele também informou que quadros Doutor Sus e Tenente Pitombo não estão na segunda temporada de Tá no Ar. Um dos quadros que promete fazer sucesso terá a atriz Verônica Debom cantando uma paródia de "Show das Poderosas", de Anitta. "Estou sacaneando todas as divas", brincou.

O ator Welder Rodrigues, de personagens como Joseph Climber, Jajá e Jorge do Jardim Urgente explicou o segredo do sucesso em Tá no Ar: TV na TV: "É porque sou feio e gordo. Aí facilita", brincou o comediante. E que tal Jardim Urgente no Criança Esperança da Globo com Renato Aragão, hein? "A gente ia fazer essa participação no Criança Esperança, com o Jorge apresentando o Jardim Urgente, mas eu estava no teatro e infelizmente não deu". O ator também comentou sua fama na Europa. "O Ronaldinho Gaúcho comemorou um gol no Barcelona imitando o Joseph Climber. Foi muito bacana", lembrou.

O ator Danton Mello admite ser o galã do elenco. Ele relembra os primeiros episódios de Tá no Ar, quando não acreditava que os quadros passariam pela aprovação da direção da Rede Globo. "Eu perguntava: isso foi aprovado? Vai mesmo ao ar? Não acreditava", admitiu. "Eu não sou rápido como eles. Os personagens galãs sou eu que faço sempre (risos)", acrescentou. O diretor Maurício Farias, que também é diretor do Zorra Total, falou sobre a liberdade do humorístico: "A Globo avançou muito e uma das coisas onde avançou foi o humor. Pegamos essa carona", comentou.

Entre os destaques da estreia da segunda temporada, tivemos: Regina Duarte na Vingança dos Famosos, Pedro Bial ganhando um descanso merecido do BBB 15 (com direito a piada com os poéticos discursos de Pedro Bial no Paredão), Balada Vip, Jardim Urgente, além de brincadeiras com famosos comerciais da televisão, como Casas Bahia e Bom Negócio Ponto Com. O auge do programa esteve na música de encerramento. Leia abaixo a letra da música criada por Marcelo Adnet e Marcius Melhem, o samba-enredo "Amarelo e Cinza".

Música Amarelo e Cinza - Tá no Ar: TV na TV - (crítica ao Carnaval 2015)
(o vídeo com o Tá no Ar na íntegra está disponível no GShow para assistir o clipe da música)

Alô minha comunidade
Vamos falar sério
Chegou a hora da verdade
Veio da esquina
Do dinheiro da contravenção
Alô minha banca.
Qual foi o bicho que deu?
Explode caça níquel de emoção
Um grito
Um grito se espalha pelo ar
Num enredo patrocinado
Close na bunda
Com replay pra disfarçar
Aí eu gosto!
Que o dinheiro não foi declarado
Não cruza esse cheque!
E o tráfico de armas
Vai bancando o abre alas
E o carro dos felinos
Vem do bingo clandestino
Só na saia das baianas
Tem dinheiro das Baganas
E a comissão de frente
É pura purpurina e pó
Alô meu presidente
Nosso patrono não veio
Por motivos de força maior
Alô Bangu 3
Deixou no lugar o seu primo
Laranja que segura o B.O.
E é de menor
E o Rio, de preços divinais
O coco é oito!
Superfatura nossos carnavais
E a pseudo celebridade
Fazendo juras de amor à comunidade
Festa da hipocrisia
Camarote lado a lado
O político e o bicheiro
Celebrando abraçados
Tem quizumba na bufunfa
Mulata fenomenal
Incentivando o turismo sexual

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.