18/06/2013 09:25

‘Uma história de amor e fúria’ brilha na França

Filme nacional é premiado no Festival de Annecy de Cinema, na França

Da Redação
Os Paparazzi
O filme “Uma história de amor e fúria”, animação nacional, brilhou no Festival de Annecy de Cinema, na França, levando principal prêmio da noite neste fim de semana. A animação “Uma história de amor e fúria” tem direção e roteiro de Luiz Bolognesi. É a primeira vez que uma animação nacional é indicada para essa premiação. Na dublagem de “Uma história de amor e fúria” estão estrelas do cinema nacional, como Camila Pitanga, Selton Mello e Rodrigo Santoro.

Uma história de amor e fúria animação cinema nacional
Uma história de amor e fúria é a animação nacional

Na biografia, ou filmografia, de Luiz Bolognesi temos filmes de sucesso de público e crítica, como “As melhores coisas do mundo” e “Bicho de sete cabeças, protagonizado por Rodrigo Santoro e premiado internacionalmente.

O Festival de Annecy premia produções internacionais de animação desde 1960. Muitos críticos chamam o Annecy de o Festival de Cannes da Animação. Em 2013, 2500 animações foram inscritas para concorrerem à principal premiação da noite. Através das redes sociais, a repercussão do troféu deixou dúvidas entre cinéfilos. “Poxa, o filme é premiado internacionalmente e eu não me lembro de tê-lo visto em cartaz nos cinemas do Brasil. Agora ficou ansioso para assistir Uma história de amor e fúria”, escreveu Carolina Rodrigues.

“Uma história de amor e fúria” chegou aos cinemas em abril. A animação conta uma história de amor entre Janaína e um guerreiro indígena que, ao partir deste mundo, assume a forma de um pássaro. Durante seis séculos, a história de amor do casal sobrevive. A animação mostra diferentes fases da história do Brasil, como colonização, escravidão e regime militar. O filme também mostra como será o Brasil no futuro, sem água, já no ano de 2096.

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.