20/05/2015 11:57

William Bonner improvisa e se arrepende

Com Jornal Nacional mais leve, William Bonner se expõe para mais gafes na Globo

Da Redação
Os Paparazzi
O apresentador William Bonner improvisou e se arrependeu do improviso logo em seguida durante o Jornal Nacional, na TV Globo, nesta semana. Ele chamou um norte-americano de "maluco" durante comentário após a reportagem exibida. O comentário faz parte das mudanças dos telejornais da Rede Globo nos últimos anos. O objetivo da emissora carioca é fazer com que os apresentadores sejam mais informais, ou seja, que deixem o teleprompter de lado e falem de forma mais coloquial. O problema é que às vezes o improviso pode acabar em gafe...

William Bonner maluco gafe Jornal Nacional
William Bonner e o "maluco" do Jornal Nacional

Durante reportagem sobre o hacker norte-americano Chris Roberts, investigado pelo FBI, William Bonner fez comentários. Chris é careca, barbudo e usa óculos. "O mundo parece que está ficando muito complicado, né. A gente até vê pelo rosto do sujeito ali que não tá fácil", começou a analisar o apresentador, em bate-papo durante link ao vivo com o repórter Helter Duarte. Depois o repórter acrescentou: "Ele pode ser só um maluco que está querendo aparecer". E o marido de Fátima Bernardes mandou: "Cara de maluco ele tem, né, cá entre nós".

O comentário de "maluco" não pegou bem. Foi um improviso que saiu do roteiro. Aliás, dizem nos corredores da Rede Globo, que William Bonner não é tão bom assim quando o assunto é improviso. Ele prefere a tranquilidade da bancada e a sequência de um roteiro pré-definido. "Teve gente que me censurou, porque eu disse que aquele rapaz que entra no computador do avião tinha cara de maluco. Fiquei pensando, que mau humor destas pessoas (...) Mas não, elas estão certas, porque eu conheço uma porção de gente com aquele cavanhaque, talvez não tão longo, com olho meio esbugalhado, mas eles não ficam entrando em avião, não! Não tem nada a ver o rosto do rapaz com o que ele fez ou diz que fez", explicou Bonner nas redes sociais.

Após o especial de aniversário de 50 anos da Globo no Jornal Nacional, essa teria sido a primeira vez que os chefões da emissora do Rio de Janeiro teriam se reunido com o apresentador após a exibição de um telejornal. A decisão final é a seguinte: improvisos são bem-vindos, sim, mas precisam de muita precaução. Isso para evitar que um apresentador chame alguém de maluco ao vivo.

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.