06/08/2018 14:42

Humanitas agora conta com 240 alunos de Medicina

No dia 1 de agosto, primeiro dia de aula, a Humanitas também contou com uma programação especial para recepcionar os alunos

Luane Rodrigues
OsPaparazzi
Como parte das atividades de início de semestre, a Humanitas - Faculdade de Ciências Médicas de São José dos Campos realizou na sexta feira (03 de agosto), a Aula Inaugural para a sua 3ª turma de Medicina. Atualmente a Humanitas, primeira faculdade de Medicina da cidade de São José dos Campos, conta com 240 graduandos no curso distribuídos nas três turmas abertas desde junho de 2017, quando foi inaugurada.

Para proferir a aula, esteve presente o secretário de Saúde de São José dos Campos, Dr. Oswaldo Huruta, juntamente com a sua equipe. A abertura foi realizada pelo diretor geral da faculdade, Dr. Luiz Antonio Vane. Como a grande maioria dos estudantes da Humanitas é de outras cidades e até outros estados, o secretário fez um resumo do que São José dos Campos representa hoje em termos de economia, índices sociais e serviços, além de fornecer um panorama dos trabalhos da Prefeitura na área da saúde.

No dia 1 de agosto, primeiro dia de aula, a Humanitas também contou com uma programação especial para recepcionar os alunos. Aconteceram atividades de integração com as famílias, explicações sobre a grade curricular, além de simulado de acidente e aula sobre trauma com a presença de profissionais do SAMU. Foi realizada ainda uma visita técnica ao Hospital Municipal de São José dos Campos.

* Assessoria de Imprensa: Bianca Totti (Código BR).

Galeria de Fotos (Fotos: Gilberto Freitas)


Luane Rodrigues

Coluna Social de Luane Rodrigues

As celebridades da região você encontra na Coluna Social de Luane Rodrigues. Acesse, veja as fotos, comente e curta a vontade. Os flagras da sociedade de São José dos Campos e Região tem endereço certo na internet!

Gostou da matéria!? Compartilhe!

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.