04/03/2017 11:35

Ligia Kamada canta a compaixão AMANHÃ (05/3) no Vicentina Aranha

Cantora abre ciclo de apresentações femininas no parque com show no domingo, às 10h30, em São José dos Campos - SP

Luane Rodrigues
OsPaparazzi
Após apresentações elogiadas em São Paulo, a cantora Ligia Kamada volta a se apresentar em casa neste próximo domingo (05/3), com 'Yermandê' (YB Music), no Parque Vicentina Aranha em São José dos Campos. Ela abre o #MulheresEmCena, que vai reunir expoentes femininas de diferentes gerações e estilos dentro do Projeto Música no Parque.

'Yermandê' foi concebido na Serra da Mantiqueira, na cidade de Monteiro Lobato, onde Ligia se encontrou novamente com a rica mata brasileira e mergulhou em suas raízes, após sete anos morando, compondo e tocando por diversas cidades da Europa.

Com o trabalho, Ligia foi escolhida como uma das vozes do Cena Delas, projeto do Sesc São Paulo que reúne compositoras e intérpretes femininas que vêm despontando no cenário musical.

Nos shows, Ligia integra com perfeição momentos de puro minimalismo com outros de avalanche sonora, entregando-se de corpo e alma aos presentes. No domingo, Gabriel Salve (guitarra e vocal), Eduardo Cezar (baixo), Passarinho (bateria e vocal), Rafael Pessoto (guitarra) e Anderson Delavequia a acompanham na apresentação.

Em breve, o trabalho ganhará múltiplas roupagens, a partir do olhar do renomado produtor Victor Rice, que se encantou pela voz 'natural, forte e rítmica' de Ligia.

Yê, yermandê! Palavra Wolof (um dos idiomas falados em Senegal), significa compaixão. Uma lembrança em agradecimento aos povos africanos e um olhar atento aos corpos deixados ao mar.

Serviço:
Show: Yermandê, de Ligia Kamada
Quando: domingo (05/3), às 10h30
Onde: no Parque Vicentina Aranha, no Bambuzal (ao lado da Capela Sagrado Coração de Jesus)
Grátis

* Assessoria de Imprensa: Suzane Rodriguez (cabana.work).

Galeria de Fotos (Fotos: Gilberto Freitas)

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.