14/11/2010 18:00

Entre a Luz e a Sombra

Da Redação
Os Paparazzi
"Entre a Luz e a Sombra" (2009) é um documentário que mostra uma realidade diferente do presídio Carandiru. Esqueça as inúmeras histórias de assassinos e bandidos, destacadas por Hector Babenco em "Carandiru" (2002). "Entre a Luz e a Sombra" humaniza a história de uma dupla de amigos, que se conhece dentro do presídio. Eles são apaixonados por música (rap). E decidem criar o grupo "509-E", número da cela deles no Carandiru.

O documentário apresenta os protagonistas Marcos e Christian, que viraram Dexter e Afro-X para o mundo do rap. As músicas da dupla falam sobre o mundo do crime, o desejo de abandoná-lo, a busca pela paz e pela valorização do jovem negro e pobre brasileiro. Eles são apresentados no documentário "Entre a Luz e a Sombra" pela atriz Sophia Bisilliat, que desenvolve um trabalho social e artístico no Carandiru.

Sophia abandonou a carreira artística para humanizar o Carandiru. No documentário, Sophia conta apenas com uma câmera na mão. E é ela quem pega depoimentos fortes e sinceros sobre a realidade dos rappers dentro do Carandiru. A câmera digital proporcionou ao filme uma linguagem mais informal. "Entre a Luz e a Sombra" acompanha a vida do trio durante sete anos, a partir do ano 2000. As músicas e os sonhos de Dexter e Afro-X; e o trabalho social de Sophia Bisilliat.

Tudo é comandado e dirigido por Luciana Burlamaqui, documentarista e jornalista. Luciana ganhou destaque no "mundo do crime" por ser repórter especial na investigação do livro "Rota 66 A História da Polícia que Mata", do jornalista Caco Barcellos, hoje apresentador do Profissão Repórter, na TV Globo. O documentário "Entre a Luz e a Sombra" tem duração de 150 minutos.

Fique por dentro das últimas do cinema nacional! É só Curtir OsPaparazzi

Vídeo

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.