20/03/2013 09:59

Sandy volta ao cinema com 'Quando Eu Era Vivo'

Mais madura, aos 30 anos de idade, cantora está em filme de Marco Dutra com Antonio Fagundes

Da Redação
OsPaparazzi
A cantora Sandy Leah está de volta ao cinema em novo desafio como atriz. Aos 30 anos de idade, ela se diz mais madura e experiente para estrelar um filme nacional ao lado de Antônio Fagundes e grande elenco. Sandy está em Quando Eu Era Vivo, longa-metragem com roteiro e direção de Marco Dutra. No elenco do filme ainda estão Marat Descartes, Gilda Nomacce, Kiko Bertholini, Helena Albergaria e Lourenço Mutarelli. É a primeira experiência da cantora trabalhando como atriz em um filme underground. Antes, ainda brilhando com a dupla Sandy e Júnior, a bela protagonizou o filme juvenil chamado "Acquária".

Quando Eu Era Vivo, o filme da Sandy
Quando Eu Era Vivo, o filme da Sandy

'Quando Eu Era Vivo' já é chamado de "o novo filme de Sandy". O diretor Marco Dutra (Trabalhar Cansa), 32 anos, admite que já sabia que poderia ter seu longa-metragem rotulado desta forma devido à grandeza da atriz-cantora. Mas não se arrepende. "Quando convidei a Sandy para o filme, achei que ela poderia não topar, porque o roteiro era bastante sombrio. No começo, muita gente achou esquisito. Depois entenderam a presença dela no filme", contou o diretor e roteirista em entrevista à Folha de SP. O filme de Marco Dutra conta a história de Júnior (Marat Descartes), que volta a morar com a família depois que perdeu o emprego e anunciou a separação da mulher. Ele volta para casa onde vivia, batendo aquela nostalgia. Logo encontra Sênior (Antônio Fagundes) e sonhando com a jovem inquilina Bruna (Sandy). Júnior quer saber de tudo sobre a história da família e desenvolve uma estranha obsessão pelo passado.

O filme brasileiro 'Quando Eu Era Vivo' promete muito suspense e até mesmo terror. Trata-se de uma adaptação do romance de Lourenço Mutarelli que já ganha comparações com o filme do diretor Stanley Kubrick, O Iluminado. "O filme de Marco Dutra pode ser um grande pontapé para a volta dos filmes nacionais de horror. O filme é macabro em muitos momentos, com cenas de suspense que prendem a atenção do telespectador. A expectativa é que 'Quando Eu Era Vivo' possa ganhar destaque inclusive no Festival de Cannes, na França, devido à qualidade demonstrada em seus detalhes", elogiou o crítico Anselmo Diniz, através de seu blog pessoal.

A cantora Sandy faz questão de esclarecer as notícias a respeito de sua participação no longa-metragem. Alguns sites destacaram vídeos de Sandy sem roupa no filme Quando Eu Era Vivo. "Estou acostumada com essas bobagens. Meu nome é muito 'mainstream' e agora estou fazendo algo underground", comentou Sandy, que não aparece nua no novo trabalho. "É meu primeiro suspense, mas fui aceita como uma atriz e não como um peixe fora d'água, uma cantora", comemorou.

O lançamento oficial do filme 'Quando Eu Era Vivo', com Sandy e Antonio Fagundes, é em junho de 2013 nos cinemas do Brasil. A apresentadora Eliana entrevistou Sandy no começo deste ano. Sandy apresentou novo visual e falou sobre a crise dos 30 anos.

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.