29/06/2012 13:16

Avenida Brasil: Jorginho flagra Max e Nina

Jorginho (Cauã Reymond) vai flagrar Max (Marcello Novaes) e Nina (Débora Falabella) no quarto em Avenida Brasil

Da Redação
Os Paparazzi
Max e Nina Avenida Brasil
Max e Nina em clima de romance
Jorginho (Cauã Reymond) vai flagrar Max (Marcello Novaes) e Nina (Débora Falabella), juntos no quarto, no capítulo desta sexta-feira, 29, na novela Avenida Brasil, da Rede Globo. O vilão Max está cada vez mais "louco" por Nina. Ele vai invadir o quarto da chef de cozinha na mansão de Tufão (Murilo Benício). Max vai pedir para Nina tirar a camisola, falando bem ao pé do ouvido.

Nina vai tentar expulsar o vilão de todas as maneiras de seu quarto, mas com elegância. Ela sabe que precisa de Max em seu plano de vingança contra a vilã Carminha (Adriana Esteves). A chef de cozinha vai propor um encontro, fora da mansão, para o dia seguinte. Max então deixa o quarto, animadíssimo, quando é flagrado por Jorginho (Cauã Reymond). Furioso, Jorginho pergunta a Nina o que ele estava fazendo ali.

Vale lembrar que Jorginho e Nina reataram o namoro nos últimos capítulos de Avenida Brasil. Apaixonado e se mordendo de ciúmes, Jorginho vai acabar acreditando em uma desculpa mentirosa da namorada. "Fica longe desse bandido", pede o namoro antes de beijar Nina.

Nos próximos capítulos de Avenida Brasil, como será que vai ficar esse namoro de Nina e Jorginho às escondidas, hein? Vale lembrar que Tufão e Max também estão apaixonados pela chef de cozinha, a protagonista de Avenida Brasil. Nina é mocinha ou vilã? OsPaparazzi segue de olho nas últimas notícias de Avenida Brasil e destaca o novo figurino de Nina para os próximos capítulos da novela.

Nina salvou Max em hotel luxuoso nos últimos capítulos de Avenida Brasil.

E tem mais: Nina está decidida a fazer união com Max para acabar com Carminha nos próximos capítulos da novela.

Quer ser o primeiro a saber? Curta OsPaparazzi no Facebook!

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.