15/08/2017 22:44

O verdadeiro e honesto significado de ser pai

Assino embaixo a opinião de Rafinha Bastos sobre o que é ser pai

Pais, Mães e Filhos
O que é ser pai
O que é ser pai? Qual é o verdadeiro significado de ser pai, ou da paternidade? Esses questionamentos podem ganhar linhas filosóficas e complexas como respostas. Mas estou mais para concordar com a opinião do papai Rafinha Bastos, que tem um filho, Tom, de 6 anos de idade. Em vídeo postado no YouTube, em seu canal, Bastos explica que ser pai não é nenhum bicho de sete cabeças. O vídeo se chama “Ser pai é incrível, mas essa é a real”. Veja abaixo o resumo da opinião e opine você também!

Ser pai mudou completamente a sua vida? O que é ser pai?

Rafinha Bastos papai e filho
Rafinha Bastos fala sobre a paternidade no YouTube

Antes de ter filho, eu sempre ouvi o mesmo papo: “Nossa, mas a sua vida muda completamente depois de ter um filho. Você vira outra pessoa quando tem filhos”. Então cria-se essa fantasia de que no momento que você é pai, você se transforma. Não é bem assim, não. Na minha vida, não mudou muita coisa, não. Eu continuo fazendo a mesma coisa que fazia quando não tinha filhos.

A diferença, claro, é que agora eu tenho ao meu lado um amigão pra vida toda, um parceiro, alguém que eu tenho que ensinar e com quem tenho muito que aprender. O carinha que sinto saudade quando não vejo durante duas horas. Eu tenho um brother pra vida toda! A vida ficou muito mais legal. Mas não se abriu pra mim um portal para outra dimensão que só os pais estão dentro. A vida já era sensacional. Agora ficou melhor. Simples assim, sem mistério, sem tocar a mão de Deus. Só quero desmistificar que você se torna outra pessoa quando você tem filho. Isso não acontece.
“Será que nunca mais vou poder viajar depois de ter um filho? Será que minha vida vai mudar completamente depois que eu virar pai?”. Não! Filho não veio para atrapalhar. Veio pra fazer você se readequar, curtir e crescer junto. Muito mais simples que você imagina.

Algumas pessoas falam: “a primeira vez que vi meu filho, eu senti que eu sou especial”. Cara, o que aconteceu com você agora já aconteceu outras 6 bilhões de vezes. Primeira vez que seu filho te olha, ele não te olha na cara, não fala, só bebe, arrota, enfim, é um bebê. Com filhos, você consegue estabelecer uma conexão, a vida fica divertida. Mas você continua sendo exatamente quem você era antes.

Eu sou um pai presente, parceiro, amigo, estou sempre com ele... mas não é porque sou obrigado a isso. É porque eu realmente gosto, curto demais. É algo muito legal. Mas não é um mistério da humanidade. Quanto mais disponível, relaxado, aberto e atencioso você for para seu filho, mais você vai ter condições de ensinar e aprender.

Em resumo, esse foi o discurso de Rafinha Bastos no vídeo sobre a paternidade. Achei que é um recado simples, honesto e verdadeiro sobre o significado de ser pai. E acaba até tirando sarro dos papais de Instagram e Facebook que escrevem poesias belíssimas sobre a primeira vez que olharam para o filho quando eles nasceram e etc e etc.

Críticas, dúvidas, sugestões? Meu contato é jornalismo@ospaparazzi.com.br

Vídeo

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.