03/06/2013 16:21

Como é feito o transporte aéreo de animais?

Saiba o que é necessário para o transporte de cachorro e gato em companhias aéreas

Da Redação
OsPaparazzi
Viajar de avião com seu cachorro ou gato é uma questão que ainda te traz dúvidas? Vamos mostrar que é possível fazer uma viagem tranquila e segura com seu animal doméstico. Primeiro escolha o meio de transporte adequado de acordo com a distância. Ficar muitas horas viajando de carro pode ser bem estressante para um cão ou gato. Então muitas pessoas preferem viajar de avião com o pet, mas será que são todas companhias aéreas que permitem o transporte de animais?

Transporte de animais em aviões
Cachorro dentro da caixa de transporte para viajar de avião

Se você pretende fazer uma viagem com seu animal, saiba que é possível, mas não é nada fácil embarcar com um animal em um avião. Primeiro você deve buscar o máximo de informação referente as companhias aéreas. A Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) estabelece alguns critérios para o transporte de animais, mas cada companhia tem sua regra, por exemplo, a GOL não transporta cachorro com focinho curto, como da raça Pug. Essa medida foi tomada em 2011 quando um cachorro da raça Pug chegou a óbito por esperar dez horas dentro da caixa de transporte. Não coloque seu animal dentro da caixa de transporte muitas horas antes do embarque.

Alem do Pug, as raças de cachorro que tem o focinho curto, que segundo os veterinários tem mais dificuldade para respirar são Boston terrier, Boxer, Buldogue, Cavalier king charles spaniel, Chow Chow, Dogue de bordeaux, Grifon de bruxelas, Lhasa Apso, Pequinês e Shih Tzu.

Os documentos necessários para o transporte aéreo de animais são: atestado de saúde fornecido por um veterinário (no máximo três dias antes da viagem) e certificado de vacinação antirrábica (a vacina deve ter sido feita 30 dias ou mais antes da viagem). Não é mais necessário nas viagens nacionais para cães e gatos o documento emitido pelo Guia de Trânsito Animal (GTA).

Para viagens internacionais com o cachorro ou gato, alem desses documentos já citados, o dono deverá ir ao Ministério da Agricultura e solicitar um atestado Certificado Zoo Sanitário Internacional. Também é importante o dono do animal entrar em contato com o Consulado do país de destino e se informar sobre as exigências para a entrada do animal no país. Para emitir esse documento são necessários atestado de saúde assinado pelo veterinário e carteira de vacina em dia, além dos documentos exigidos pelo país de destino para o transporte de animais.

O transporte de cachorros treinados que exercem o trabalho de cão-guia podem ficar ao lado do dono na cabine de passageiros e não pagam nenhuma taxa por isso, mas precisam de toda a documentação necessária.

Transporte de animais em aviões
Transporte de animais feito pelo empresa aérea Pet Airways

O transporte de animais requer alguns cuidados, é recomendado não alimentar o animal por cerca de 6 a 8 horas antes do embarque. O dono deve usar uma caixa de transporte que seja confortável para o animal, pergunte para a companhia aérea se é permitido colocar algum brinquedo dentro da caixa para acalmar o bicho.

Para deixá-lo mais confortável, coloque um tapete absorvente na caixa de transporte, para que o animal não fique molhado se fizer xixi. Todo animal transportado é cobrado uma taxa e isso varia de acordo com o peso e tamanho da caixa de transporte. As caixas que são inteiras de plástico, incluindo as portas e janelinhas são bem mais leves.

O cachorro ou gato não precisa de tranquilizantes para fazer uma viagem de avião, exceto por recomendação expressa de um veterinário. Jamais automedique seu animal antes de uma viagem.

Uma dica para quem vai viajar com seu animal é usar uma coleira de identificação. Se possível, instale um microchip em seu cachorro ou gato. Saiba tudo sobre microchip em animais. Em 2011, um gato fugiu do aeroporto de Brasília enquanto os funcionários transferiam as bagagens. Devido as negligencias de algumas companhias aéreas, estamos sujeitos a esse tipo de incidente, portanto, se isso acontecer e seu pet estiver identificado, mais fácil será para encontrá-lo. Veja algumas dicas para viajar com seu cachorro com segurança.

Se o dono do animal optar por fazer a viagem de carro com o cachorro ou gato, saiba que também é muito importante levar a carteira de vacinação do animal. Ensine seu cachorro a andar de carro sem sentir enjoos. Procure estar sempre informado sobre seus direitos para então fazer uma boa viagem com seu bicho de estimação.

Nos Estados Unidos existe uma companhia aérea exclusiva para o transporte de animais, a Pet Airways, fundada em 2009. Por enquanto, os destinos da Pet Airways são apenas dentro do estado norte-americano.

Comentários

PÁGINA PRINCIPAL | ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Todo o conteúdo deste website é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal de seus idealizadores.