CelebridadesColuna SocialFilmesPais e FilhosBicho Animal
Tomaz Silva / Agência Brasil

As verdades sobre vacina e vacinação infantil

Infelizmente, fake news sobre Vacina Sarampo e Vacina Gripe têm aos montes. Difícil demais ler isso

Por Aline Oliveira, publicado em 16/07/2019.
Precisamos falar sobre vacinação infantil. Mas o título aqui já é delicado. Porque verdades sobre vacina existem aos montes pela internet. Fake News Vacina Sarampo. Pode procurar para você ver. É assustador o número de informações que circula por aí sobre esse assunto. Não tenho pretensão alguma de entrar em detalhes médicos nesse post. Quero apenas reforçar o alerta da importância da vacinação infantil. E deixar a reflexão sobre o quanto estamos bebendo de fontes nada confiáveis nessa era da informação.

As verdades que lemos por aí

Aqui um rápido parêntesis sobre diferentes verdades. Saiu nesta semana uma pesquisa Datafolha com a seguinte informação: 7% dos brasileiros acreditam que o formato da Terra é plano. Ou seja, para 11 milhões de pessoas a verdade que aprendemos na escola sobre o formato da Terra não é válido. Entende o quanto é difícil falarmos sobre verdades absolutas? Complicado, né? Assusta bastante.
Vacinar é fundamental para todos nósFoto: Tomaz Silva / Agência Brasil
Vacinação infantil

Bom, começo com esse questionamento que está em destaque no Nexo Jornal: você conhece alguém ou algum grupo que é contra vacinação infantil? Alguém que diz que vacina faz mal, que vacina provoca câncer, enfim, já li de tudo por aí. É por causa disso que inúmeras doenças que já estavam erradicadas no Brasil agora voltaram. A decisão de vacinar não deveria ser uma opção pessoal e sabe por quê? Porque ela não influencia somente na saúde de quem opta por não se imunizar. Um exemplo disso é o sarampo. A vacina do sarampo...

Vacina do sarampo

Ainda com a fonte do jornal, destaco aqui que o sarampo é uma doença viral infecciosa, muito contagiosa (transmitida por via oral) e de alto potencial letal. No mundo, é uma das maiores responsáveis pelos números de mortalidade infantil. Seus sintomas envolvem febre, dor de cabeça, tosse, manchas brancas na mucosa bucal, conjuntivite e manchas vermelhas (que se espalham do rosto para o resto do corpo). É claro que o sarampo não está aí somente por conta das pessoas que deixaram de vacinar. Há a situação de pessoas vindo de outros países para cá. Só que a reflexão sempre é válida.

Eu, como mãe, morro de dó de levar as crianças para tomar vacina. Sofro bem mais que elas. Mas sabe aquela frase, 'melhor a dor da vacina do que a dor da doença'? Pois bem. Somos responsáveis pelos nossos filhos, precisamos cuidar da saúde deles em todos os sentidos. Sigo corretamente as orientações da pediatra e, toda vez que é preciso, vamos ao posto de saúde.

Vamos proteger os nossos filhos vacinando. Estou na torcida para que mais e mais pessoas se conscientizem nesse assunto. A seguir destaco uma imagem do calendário obrigatório de vacinação.
Tabela de vacinação para os nossos filhosFoto: Divulgação
Críticas, dúvidas, sugestões de pauta? Meu contato é alineoliveira.educar@gmail.comAcesse a página Pais e Filhoscom informações para papais e mamães.

Compartilhe com um amigo!
Publicado Por Aline Oliveira
Formada em Pedagogia, Aline Oliveira, atua como professora do ensino fundamental desde 2002. Da experiência da maternidade nasceu a paixão por escrever para mães. 'Paixão pela arte de educar. Paixão por aprender. Com amor, tudo fica mais leve.' Veja mais informações
Comentários